shadow_left
Logo
Shadow_R
   
O Consórcio
O Consórcio Programa Rio de Janeiro de Estudos de Relações Internacionais, Segurança e Defesa Nacional, veio implantar em 2006 o Programa de Apoio ao Ensino e à Pesquisa Científica e Tecnológica sobre Defesa Nacional –Pró-Defesa, mediante o fortalecimento de linhas de pesquisa e a oferta de cursos de mestrado e de doutorado, voltados para as áreas de Relações Internacionais, Segurança e Defesa Nacional. Os objetivos do programa, de acordo com o Edital n° 1/2005 das CAPES, consistiam em: a) contribuir para desenvolver e consolidar o pensamento brasileiro na área de defesa nacional, segurança e relações internacionais; b) ampliar e fortalecer linhas de pesquisa nestas áreas e dub-áreas; e c) formar recursos humanos em nível de pós-graduação stricto sensu. O Consórcio finalizou a oferta de cursos de pós-graduação em 2010, ao dedicar-se aos objetivos de pesquisa científica.
 
Grupo de Pesquisa da Política Internacional
Grupo de Pesquisa da Política Internacional

O grupo, constituído de pesquisadores na área de relações internacionais, direito e ciências sociais, docentes, discentes, empresários, debruça-se sobre questões de análise teórica e metodológica da política internacional, refletindo sobre problemas de impacto e de abrangência regional e global, que se repercutem sobre a política externa, de segurança e de defesa do Brasil. Conclusões e estudos do Grupo possuem uma natureza teórica e metodológica, com várias repercussões práticas que podem contribuir para a evolução do pensamento e para a avaliação e reavaliação de estratégias e políticas públicas em diferentes áreas de relações internacionais e de estudos estratégicos: a política externa brasileira, desafios à segurança nacional e regional, a cooperação internacional, a participação em organizações multilaterais, a segurança internacional e global, relações bilaterais e multilaterais.
 
Linha de pesquisa: Poder e instituições
Linha de pesquisa: Poder e instituições  

Debate comparativo em torno do poder e das instituições e suas diversas formas – políticas, econômicas, jurídicas, culturais; o estudo das formas de dominação presentes em diferentes sociedades através de diversas instâncias mediadoras e reguladoras, tensões e conflitos, subversões; a análise de instrumentos do poder, da violência e da manutenção da paz como relação entre as nações, a diplomacia e a formulação da política externa das nações, as organizações multi- e supranacionais.
 
Linha de Pesquisa: Defesa Nacional e Segurança Internacional
A pesquisa dedica-se ao estudo da política e da estratégia brasileiras para a defesa nacional e segurança internacional frente aos desafios, ameaças e perigos do mundo globalizado e em vias da crescente multipolarização e policentrismo. Através da análise das estruturas internacionais, regionais e transnacionais que envolvem o Brasil, a América do Sul e o mundo, buscar-se-á alcançar objetivos da pesquisa, considerando a abordagem estratégica regional, a integração sul-americana, as dimensões política, econômica, social, cultural, geopolítica e ambiental, o relacionamento civil-militar, direitos humanos, dentre outras implicações que venham a surgir durante a pesquisa. 
 
Linha de Pesquisa: Política externa e de segurança da Rússia
A pesquisa visa acompanhar e analisar a evolução da política externa e de segurança da Rússia pós-1991, correlacionando-a com a política internacional dos centros tradicionais de poder: os EUA, a UE e o Japão, e das grandes potências emergentes: a China, a Índia e o Brasil. O estudo examina a repercussão dos desafios transnacionais sobre a Rússia: a proliferação das ADM, o terrorismo internacional, a expansão de comércio e da TI, o esgotamento de fontes de energia e a mudança climática.
 
 
   
 
Advertisement